Prefeitura convoca estudantes para garantir meia-passagem

O processo de cadastro e recadastro da meia-passagem estudantil 2018 começa nesta hoje, 16/1, e vai até 16 de fevereiro. Semelhante ao que aconteceu no ano passado, ambos os procedimentos serão realizados pela internet, por meio do site <http://estudantes.manaus.am.gov.br/> http://estudantes.manaus.am.gov.br/. Todos os interessados em garantir o benefício devem estar cadastrados no sistema da Prefeitura de Manaus, uma vez que a meia-passagem paga em dinheiro não é mais aceita nos coletivos.

O recadastramento nada mais é que a atualização de todas as informações acadêmicas. O aluno deverá informar se foi aprovado para outra série, se mudou de curso, se mudou de endereço ou se mudou de instituição ensino. Após esse procedimento, é preciso aguardar a aprovação pela escola onde estiver matriculado. Nesse intervalo, o estudante poderá comprar 32 créditos, referentes à cota de férias.

“Estamos, a partir de amanhã (terça-feira), iniciando o cadastro e recadastro dos alunos das redes municipal, estadual e particular de ensino. Durante 30 dias, assim como nos anos anteriores, vamos atender a demanda por esse serviço da comunidade estudantil”, enfatizou o superintendente da SMTU, coronel Franclides Ribeiro. É uma determinação do prefeito Arthur Virgílio Neto que todos os alunos possam realizar o cadastramento/recadastramento da meia-passagem no período, a fim de não comprometer o ano letivo dos mesmos.

Cadastro

Quem nunca utilizou o benefício, não importa a idade, poderá se cadastrar pela primeira vez. O procedimento também deverá ser feito pela internet e, após 72 horas, o estudante deverá se dirigir a sede do Sinetram, na avenida Constantino Nery, n.º 476, Centro, portando Carteira de Identidade ou Certidão de Nascimento, para solicitar a emissão do Cartão de Estudante. Vale ressaltar que nos casos de menores de 18 anos, os mesmos deverão comparecer acompanhados dos responsáveis legais. Após esse procedimento, o estudante aguardará a aprovação de seu cadastro pela instituição de ensino e o início do ano letivo para, assim, poder comprar a quantidade de créditos referente ao curso que irá frequentar.

Fonte: Assessoria de Comunicação da Superintendência Municipal de Transportes Urbanos (SMTU).

ASCOM/CEDB/PGM

Últimas Notícias